Para marcar o apoio da Prefeitura de Teresina ao Outubro Rosa, diversas mulheres fizeram o plantio de 100 ipês rosa na manhã de sexta-feira (12), no Parque da Cidade, zona Norte da capital. O ato simbólico reforça o alerta para essa campanha internacional, voltada para necessidade da prevenção e do diagnóstico precoce do câncer de mama. O prefeito Firmino Filho participou do momento e fez o plantio de uma árvore.

Organizado pelas Secretarias Municipais de Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Semam) e Políticas Públicas para Mulheres (SMPM), o ato de abraçar foi intitulado de “Da Pureza do Ipê à Sensibilidade da Mama”, que contou também com um espaço de sensibilização sobre o câncer de mama através de uma palestra conduzida pela enfermeira Elisângela Varonil.

Para a ação foram convidadas pessoas ligadas ao movimento de mulheres, à rede de enfrentamento à violência e moradoras das imediações do parque. Uma dessas mulheres foi Luiza Silva, 48 anos, que considera fundamental o acesso à informação sobre esse tipo de câncer. “Não só as mulheres, mas toda a sociedade deve voltar sua atenção para o câncer de mama, que é uma das maiores causas de morte de mulheres. Para enfrentar esse problema precisamos ter acesso à informação. Então um evento como esse é importante, pois serve de alerta”, disse.

A secretária da SMPM, Macilane Gomes, pontua que o evento é uma forma de deixar uma marca de resistência no Parque da Cidade, que é um espaço que demonstra uma conexão com a natureza e a toda a força que devemos ter enquanto elemento humano que faz parte dessa natureza. “Nesse plantio, usamos o ipê, uma árvore exuberante e resistente, como simbolismo, para demostrar a forma das mulheres, e dizer que a gente está aqui para romper todas as barreiras que muitas vezes nos fazem fragilizar em determinados momentos”, destaca.

Segundo o secretário da SEMAM, Olavo Braz, o intuito desse momento é contribuir com a divulgação e fortalecer esse movimento. “A nossa proposta é envolver cada vez mais pessoas para construírem essa corrente do bem, porque a vida de muitas mulheres, e consequentemente de muitas famílias, que está em jogo. Informar é um dos caminhos para contribuir com essa campanha, e foi justamente isso que fizemos. Aliado a isso, contribuímos com o meio ambiente e deixamos nossa marca fazendo o plantio dessas árvores, que irão trazer benefícios coletivos”, explica.

O ipê foi a árvore escolhida para essa ação porque mesmo em meio a situações de adversidade, se mostra deslumbrante, revelando beleza e resistência, como no período mais quente do ano, conhecido como B-R-O BRÓ, quando pontilha nossa cidade com o colorido vindo da sua florescência.